Por que olhar para a Espanha?

Bandeira da Segunda República Espanhola.

Bandeira da Segunda República Espanhola.

Com uma certa frequência, publicamos aqui no Caderno informações sobre a política e a economia da Espanha. Além da curiosidade inata por informações sobre o que se passa em outras terras, fato que nos permite ter um ponto de comparação que nos auxilia na hora de julgar nossa própria situação, há outro bom motivo para acompanhar os acontecimentos nesse país. Seus dois principais partidos, o PSOE (socialista) e o PP (neoliberal), são fontes de inspiração para os principais partidos que governam o Brasil: PSDB, DEM/PFL e PT. Além disso, as multinacionais espanholas tem participações de grande relevo na economia brasileira, inclusive em setores fundamentais, como telefonia e energia.

Vamos à notícia publicada no passado mês de agosto no jornal madrilenho El País:

63% dos trabalhadores espanhóis recebem menos de 1.100 euros
16,7 milhões de assalariados tem um rendimento bruto inferior a 13.400 euros

No total, 18,3 milhões de espanhóis tem rendimentos brutos mensais inferiores a 1.100 euros, o que representa 63% dos trabalhadores que desenvolvem suas atividades na Espanha, segundo um estudo realizado por técnico do Ministério da Fazenda. Este número representa 5% a mais do que da última vez em que esse relatório foi elaborado, com dados de 2006.

Ainda segundo o relatório, elaborado a partir da análise de dados de fontes pagadoras e da previdência, assim como da última estatística disponível para o Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF), na Espanha há 16,7 milhões de assalariados que tem um rendimento bruto anual inferior a 13.400 euros. E a média nacional chega a 18.807 euros brutos por ano.

Continua…

Não se iludam, pelo critério da paridade do poder de compra, um salário de 1.100 euros não é muito superior a 1.100 reais.

Textos relacionados:

O mileurista.

O progresso adequado da Espanha.

One thought on “Por que olhar para a Espanha?

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *